Classificados

VÍDEOS

Residência pega fogo em Penápolis
Penápolis no programa Cidade contra Cidade do SBT em 1989

CLIMA

Tempo Pen�polis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endere�o Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

01/07/2009

Segurança: Câmara aprova projeto que obriga adaptação de playgrounds

Detalhes Not�cia

Playgrounds públicos e privados de Penápolis obrigados a oferecer condições apropriadas para uso também por crianças, jovens e adultos portadores de necessidades especiais.  A medida foi aprovada anteontem por unanimidade pela Câmara Municipal através de projeto de autoria do vereador Carlos Henrique Rossi Catalani, o Caíque Rossi (DEM) e segue para promulgação ou não do prefeito João Luís dos Santos (PT). Segundo Caíque Rossi, sua propositura é mais uma ação para promover a inclusão social. “Dificilmente uma criança ou adulto portador de necessidade especial consegue usar um brinquedo dos playgrounds. O projeto em pauta  tem o objetivo de mudar isso”, disse o vereador que apresentou modelos de brinquedos adaptados para deficientes e experiências de seu funcionamento em outras cidades, como Ponta Grossa e Maringá. “São adaptações simples, mas de um resultado imensurável”, considerou Caíque Rossi. Ele afirmou que exceto a reserva de vagas de estacionamento e atendimento prioritário em agências bancárias, o projeto de adequação de playgrounds é o primeiro na cidade voltado para os portadores de necessidades especiais. O vereador também lembrou suas indicações à administração municipal para viabilizar acessibilidade à sede do IBGE e à instalação de telefones especiais para mudos e surdos. O vereador Luís Antonio Alves de Oliveira, o professor Luís (PSDB), discursou em defesa da efetivação do projeto de adaptação dos playgrounds pelo Executivo. “Contamos com o esforço da administração para que pelo menos um ou dois  tenham condições de atendimento. É preciso tratar os portadores de necessidades especiais como iguais”. Professor Luís acrescentou que a prefeitura pode conseguir as adaptações em parcerias com a iniciativa privada, a partir de incentivos fiscais. O vereador Francisco José Mendes, o Tiquinho (PSDB), sugeriu que a prefeitura aproveite a reforma da Praça Dr. Carlos Sampaio Filho para marcar o começo das adaptações dos playgrounds. “Não queremos exigir que todos os playgrounds sejam adaptados do dia para a noite, mas o da Praça Carlos Sampaio Filho é um ótimo começo”. O vereador Joaquim Soares da Silva, o Joaquim da Delegacia (PDT), contou que os governos federal e estadual dispõem de incentivos  para iniciativas de atendimento de esporte e lazer aos portadores de necessidades especiais . “Sugiro ao vereador Caíque contatos na Secretaria Estadual de Direitos da Pessoa com  Deficiência, onde temos o penapolense Vanilton Senatore”. O vereador Zeca Monteiro (PT), avaliou a aprovação do projeto de adaptação dos playgrounds como um incentivo para avanços nos atendimentos aos portadores de necessidades especiais. “É um caminho. Da mesma forma que foi conseguido um playground para idosos através de parceria com a UNIMED, podemos obter outros benefícios”. O vereador Ricardo Falleiros de Castilho, o Ricardinho Castilho (PV), defendeu discussões para a inclusão de emenda orçamentária do município para atendimento com adaptações dos brinquedos e outras ações pela acessibilidade. Imprensa/Câmara

Foto: Modelos de brinquedos adaptados foram apresentados pelo vereador Caíque Rossi

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2024 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.

Política de Privacidade