Classificados

VÍDEOS

Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar
Apaixonados por carros antigos se reúnem em Penápolis

SUA OPINIÃO

Você se preocupa em não compartilhar informações falsas sobre o Covid-19 em redes sociais na internet?


CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

12/01/2019

Rio em Barbosa: Recomendação de evitar o Tietê é mantida pela Cetesb

DA REPORTAGEM

A Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) informou nesta semana que mantém a recomendação de que as pessoas evitem o contato direto e a ingestão de água do rio Tietê próximo à cidade de Barbosa. 
No início de dezembro, a reportagem do DIÁRIO noticiou que diversas pessoas usaram as redes sociais para questionar a razão da água do Tietê estar verde e com a presença de muitas algas. Vídeos foram postados mostrando que, em alguns pontos, a água estava com uma coloração bastante forte e espessa. Na ocasião, técnicos da Cetesb estiveram em diferentes pontos do rio e recolheram amostras da água para análise. Cerca de 20 dias depois, a própria Cetesb já havia confirmado de que houve melhora na qualidade da água do rio Tietê em Barbosa depois da floração de algas registrada, manteve a recomendação de que as pessoas evitem o contato direto e a ingestão de água do rio, recomendação mantida nesta semana. 
Em nota a Cetesb confirmou que vem realizando um acompanhamento semanal, com coletas de amostras nas regiões mais afetadas. Em Pereira Barreto, cidade também afetada pela floração de algas, a Cetesb já havia informado que a análise não apontou a presença de florações de algas no rio nas últimas semanas e a água foi considerada de boa qualidade no trecho daquela cidade, com baixas concentrações de E.coli, de cianobactérias e de cianotoxinas (microcistina e saxitoxina).
Entretanto, em relação à cidade de Barbosa, a recomendação foi mantida. “Embora também tenha se verificado melhoria das condições das águas, mantém-se a recomendação de que a população evite o contato direto e ingestão da água”, afirmou a Companhia. A Cetesb afirmou, por fim, que continuará acompanhando a situação no local.

(Rafael Machi)

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2020 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.