Classificados

VÍDEOS

Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar
Residência pega fogo em Penápolis

CLIMA

Tempo Pen�polis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endere�o Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

29/10/2007

Reação: De começo desastroso a final vitorioso

Detalhes Not�cia

Quem viu o Clube Atlético Penapolense nas primeiras rodadas do Campeonato Paulista da 2ª Divisão deste ano não vislumbrava um final feliz.

Foram três derrotas consecutivas (Batatais – 6 a 3; Fernandópolis – 4 a 2 e Barretos – 2 a 0. Depois disso o presidente Cláudio Tiradentes dispensou o então técnico Pachani e alguns jogadores. Foi contratado o técnico Lelo que chegou indicando jogadores para contratação. Alguns indicados acabaram desembarcando no Tenentão. Ainda no início de um novo trabalho o CAP perdeu para o Jaboticabal por 1 a 0, mas no domingo seguinte foi até José Bonifácio e fez 2 a 1 no time da casa. Logo em seguida o Pantera da Noroeste conseguiu convincente vitória sobre o Inter de Bebedouro por 3 a 0, no Tenentão, e encerrou sua participação no primeiro turno empatando em Guariba por 0 a 0. Na primeira partida do segundo turno o CAP foi até Batatais e trouxe um ponto ao empatar por 0 a 0. Depois vieram vitórias sobre o Fernandópolis (3 a 2), Barretos (1 a 0), Jaboticabal (3 a 0), José Bonifácio (3 a 0) e Guariba (2 a 0). Nesta fase da competição e já classificado para a 2ª fase, o CAP perdeu em Bebedouro para o Inter por 2 a 1.

Com a terceira colocação na 1ª fase, o CAP ficou no grupo 10 na etapa seguinte , onde obteve a primeira colocação da chave com 17 pontos, garantindo sua vaga na 3ª fase da competição com uma rodada de antecedência. Mas nem tudo foram flores na vida do CAP. Depois de empatar com o Força (3 a 3) e vencer o Jabaquara (2 a 1) e o Radium de Mococa por 3 a 2, o CAP inesperadamente perdeu para o Tupã em casa por 1 a 0 e complicou sua situação.

Com a corda no pescoço o Pantera da Noroeste bateu o Força, no Tenentão, por 2 a 0, e trouxe um bom resultado de Santos ao empatar por 0 a 0 com o Jabaquara. A sorte voltou a sorrir para o CAP nas duas rodadas seguintes quando venceu o Radium por 3 a 2 e o Campinas por 3 a 0. Já classificado, o time encerrou sua participação na fase com uma derrota em Tupã por 2 a 1, quando jogou com um time misto. As dificuldades continuaram na 3ª fase.

O CAP teve um bom início quando empatou em Itapira por 0 a 0. Mas, depois no Tenentão, perdeu para o Atibaia por 1 a 0 e empatou com o Batatais por 1 a 1, somando apenas dois pontos dos nove que disputou. A força e a superação do grupo ficaram evidentes no segundo turno depois que o CAP foi a Batatais e venceu o difícil adversário por 2 a 0, mesmo placar que aplicou no Atibaia nos domínios do adversário.

A boa fase foi coroada ontem com o empate por 0 a 0 com a Itapirense e a conseqüente classificação para a Série A-3. O CAP teve um início de campeonato desastroso, alguns momentos complicados ao longo da disputa e um final para lá de feliz.

Foto: O poster foi publicado na edição impressa de hoje do Diário

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2021 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.

Política de Privacidade