Classificados

VÍDEOS

Apaixonados por carros antigos se reúnem em Penápolis
Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar

SUA OPINIÃO

Você tem respeitado a quarentena e ficado em casa neste período de pandemia?


CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

13/09/2014

Quatro crianças desaparecem em Penápolis

Divulgação/Conselho Tutelar
Detalhes Not�cia
As quatro crianças foram vistas, pela última vez, na companhia de um homem na tarde de sexta-feira (12)

DA REPORTAGEM

Quatro crianças desapareceram na tarde de sexta-feira (12) de uma olaria localizada no bairro rural do Lajeado, em Penápolis. Por conta disso, uma grande operação foi montada neste sábado (13) pelas Polícias Civil e Militar na tentativa de localizá-las. Familiares delas também ajudam nos trabalhos. Carlito Tevez Ferreira dos Santos, de 9 anos, Beatriz Aparecida Ferreira dos Santos, de 10, Marcos Vinícius Gomes de Jesus, de 12 e Nathalia Karolina Gomes da Silva, 8 anos, teriam sido vistos pela última vez na companhia de um homem que também reside na olaria. Segundo apurado, as crianças estariam brincando com o homem, por volta das 17h00, de sexta-feira quando todos desapareceram. A suspeita é de que o homem teria as atraído com uma caixa de bombom. O caso foi comunicado à polícia ainda na noite de sexta-feira, por volta das 23h00. As buscas se iniciaram na manhã deste sábado, com a ajuda do helicóptero Águia, da Polícia Militar. Em terra, policiais militares e civis também realizaram buscas em matas próximas e aos arredores do ribeirão Lajeado. Em seguida os trabalhos se estenderam por cidades vizinhas. O suspeito residia na olaria há cinco meses. Durante as buscas, foram encontrados, próximo ao ribeirão onde as crianças costumavam brincar, papéis de bombons, balas e salgadinhos. Um pano e um chinelo também foram encontrados, mas a polícia ainda não havia confirmado se os objetos pertenciam a elas. O Conselho Tutelar de Penápolis também está acompanhando o caso. Os trabalhos foram paralisados no início da noite, mas devem ser retomados na manhã deste domingo. Quem tiver alguma pista do paradeiro das crianças ou do suspeito, pode entrar em contato pelos telefones 190 e 197. (Rafael Machi)

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2020 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.