Classificados

VÍDEOS

Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar
Residência pega fogo em Penápolis

CLIMA

Tempo Pen�polis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endere�o Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

29/11/2018

Prevenção e diagnóstico: Campanha Fique Sabendo oferece testes gratuitos de HIV

Imagem/Rafael Machi
Detalhes Not�cia
A coordenadora do SAE, Tereza Rodrigues (esq.) e a presidente do Moveca, Monique Ruiz, destacam a importância do teste rápido de AIDS

DA REPORTAGEM

Pelo 11º ano consecutivo a cidade de Penápolis participará da campanha “Fique Sabendo” que tem o objetivo de realizar testes rápidos para diagnosticar HIV. A campanha faz parte dos eventos alusivos ao dia 1º de dezembro, Dia Mundial de Combate a AIDS. A campanha acontece entre os dias 3 e 7 de dezembro, porém, uma ação especial acontece nesta sexta-feira (30) na sede do Movimento Vestindo a Camisa (Moveca) de Penápolis. A campanha também é alusiva ao Dezembro Vermelho, que visa chamar a atenção para as Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST). 
O Fique Sabendo é realizado na cidade através de parceria entre a Secretaria Municipal de Saúde, o Consórcio Intermunicipal de Saúde (Cisa) e o Moveca. 
Segundo a coordenadora do Programa Municipal IST/AIDS e Hepatites virais, Teresa Rodrigues, o movimento é fundamental para mobilizar e incentivar a população sobre a importância de realizar os exames e, em caso positivo, iniciar tratamento mais rápido possível. “Quanto antes a pessoa saber que possui o vírus, mas qualidade de vida ela terá, já que é possível fazer um melhor controle”, destacou. 
Além disso, Teresa ressaltou que, quando se descobre a infecção, menores são os riscos de transmissão para outras pessoas. “Infelizmente ainda acontece muito isso. Uma pessoa que possui o vírus, mas não sabe, pode ter relações sexuais sem a devida prevenção e acabar fazendo a transmissão para seu parceiro. Por isso é muito importante a pessoa saber”, acrescentou. 
A campanha serve para reforçar a importância do exame que já é feito gratuitamente pelo Serviço Ambulatorial Especializado (SAE), localizado à rua Anchieta, 540, aos fundos da Clínica de Especialidade. Durante a campanha, além do SAE, todas as unidades básicas de saúde estarão reforçando o teste de forma gratuita. Não é necessário agendamento ou pedido médico, bastando que a pessoa interessada procure os locais de testes para realizar o seu. “É importante destacarmos que o teste rápido de HIV é feito através de apenas um furo no dedo, o mesmo princípio de um teste de glicemia. Com uma gota de sangue coletado é possível gerar o resultado em apenas 10 minutos”, destacou Tereza. 
Além dos testes, os profissionais da saúde estarão esclarecendo dúvidas relacionadas à IST/AIDS e também sobre como preveni-las. Vale lembrar que o sigilo é garantido.

Casos
A coordenadora do Programa Municipal IST/AIDS revelou que casos de pessoas soropositivas ainda são descobertos na cidade. A maior faixa etária entre os novos casos é entre 18 e 50 anos de idade. Segundo ela, o aparecimento do vírus destaca a falta de prevenção. As principais formas de exposição ao vírus continuam sendo a relação sexual sem o preservativo e o compartilhamento de material perfuro cortante. “Mais uma vez destacamos que também acontecem casos de pessoas que ainda não sabem que possuem o vírus manterem relação com outras e ocorrer a transmissão, por isso, um teste rápido pode evitar esta transmissão do vírus”, ressaltou Tereza.

Moveca
Como meio de incentivar a realização do teste de HIV, uma ação especial será montada amanhã, sexta-feira (30) na sede do Moveca. Os testes também serão realizados de forma gratuita das 07h00 às 11h30. O Moveca fica no antigo velório municipal, em frente à Necrópole Santa Cruz. É uma entidade sem fins lucrativos que atua na conscientização da população sobre o vírus HIV e na prevenção de doenças sexualmente transmissíveis, atendendo 36 usuários do serviço e mais de 90 famílias.
Segundo a presidente da entidade, Monique da Rocha Ruiz, além do apoio psicológico, o Moveca realiza também o acompanhamento médico dos portadores do HIV. “Fazemos visitas regulares aos assistidos da entidade para sabermos como está sua rotina e, principalmente, se está sendo feito o acompanhamento médico, o que é fundamental para que haja o controle da doença”, ressaltou. 
Além de acompanhar as famílias de pessoas com HIV, o Moveca presta serviços de prevenção através de palestras com públicos alvo. A distribuição gratuita de preservativos também é feita na entidade, além de trabalho específico com moradores de rua, que recebem orientação e prevenção.

Prêmio
Recentemente, o SAE de Penápolis recebeu o Prêmio Brenda Lee dedicado aos municípios com resultados positivos no enfrentamento da epidemia de HIV/Aids. Somente Penápolis e mais três municípios do Estado de São Paulo receberam qualificação máxima em seis indicadores avaliados. 
O Prêmio Brenda Lee é oferecido pela Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, que avaliou o desempenho do município em seis indicadores. Entre eles estão a taxa de mortalidade, incidência e diagnóstico por AIDS, entre outros. Penápolis foi um dos quatro municípios paulistas que cumpriram todos os indicadores, se destacando na área de prevenção, diagnóstico e tratamento do HIV.

(Rafael Machi)

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2021 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.

Política de Privacidade