Classificados

VÍDEOS

LIVE SOLIDÁRIA BANDA TUNA
Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar

CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

31/07/2020

Mulher tem moto incendiada pelo ex-companheiro

Imagem/Reprodução
Detalhes Not�cia
Moto ficou completamente destruída após ter sido incendiada por eletricista

DA REPORTAGEM

Uma mulher de 28 anos teve sua motocicleta incendiada pelo ex-companheiro, um eletricista de 31 anos, na tarde de quarta-feira (29) no bairro São Francisco, em Penápolis. Apesar de ter uma ordem judicial de medida protetiva contra o eletricista, ela teria lhe pedido para leva-la ao banco.
Segundo informações do Boletim de Ocorrência, a vítima disse para a polícia que havia pedido ao ex-companheiro para leva-la ao banco com a moto, uma Honda Titan. Ela contou que, ao sair da agência, ele tentou levar ela para a zona rural da cidade, mas durante o trajeto, próximo da saída da cidade com destino a Avanhandava por uma estrada de terra, a jovem teria caído da garupa e tentou voltar a pé para sua casa.
No caminho, ela foi abordada pelo ex, sendo que ambos combinaram que a mulher é que assumiria a direção da moto e que iriam para a casa da mãe dela, no bairro São Francisco. 
Quando chegaram ao local, ele afirmar que iria ficar com a moto, entretanto, a jovem negou a entregar o veículo, momento em que o acusado ficou alterado por conta da negativa.
Com medo, a vítima entrou na casa de sua mãe e trancou a porta para que ele não entrasse.
Ainda alterado, ele começou a danificar a moto, cortando mangueira e ateando fogo no veículo que ficou totalmente destruído. O acusado fugiu em seguida. A Polícia Militar foi acionada ao local e ao chegar a equipe encontrou o veículo em chamas. Eles precisaram utilizar uma mangueira de jardim para tentar apagar o fogo até a chegada do Corpo de Bombeiros.
A PM realizou buscas na tentativa de localizar o acusado, mas ele não foi encontrado.
O caso foi registrado no Plantão Policial de Penápolis como dano, ameaça e violência doméstica e um inquérito deverá ser instaurado pela Polícia Civil para que o caso possa ser investigado.

(Rafael Machi)

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2020 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.