Classificados

VÍDEOS

Apaixonados por carros antigos se reúnem em Penápolis
Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar

SUA OPINIÃO

Você tem respeitado a quarentena e ficado em casa neste período de pandemia?


CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

11/06/2016

Morre, aos 83 anos, o penapolense Waldemar Ferreira

Imagem/Arquivo DIÁRIO
Detalhes Not�cia
Waldemar Ferreira atuou em diversas entidades da cidade, foi vereador, entre outros trabalhos de destaque em Penápolis

DA REPORTAGEM

Faleceu na tarde desta sexta-feira (10) o penapolense Waldemar Ferreira, com 83 anos. Ele estava internado na Santa Casa de Penápolis por complicações de saúde e lutava contra um câncer. Ferreira atuou em diversas áreas assistenciais da cidade, e foi vereador por duas legislaturas. Seu corpo está sendo velado na Câmara Municipal de Penápolis.
De acordo com o que foi apurado pela reportagem do DIÁRIO DE PENÁPOLIS, ele estava internado há 15 dias. Segundo familiares por conta da saúde debilitada, ele passou a ter complicações e apresentou um quadro clínico de pneumonia, não resistindo e falecendo nesta sexta-feira. Waldemar Ferreira ficou bastante conhecido por seu trabalho junto ao Conselho Tutelar. Ele foi um dos primeiros conselheiros a participar do projeto quando instituído na cidade há anos atrás. Na época, o trabalho de conselheiro era feito de forma voluntária, não sendo pagos salários. Depois de muito tempo ele retornou ao cargo em 2010 e atuou até janeiro de 2016. Ele foi também um dos fundadores da Associação Renascer da Terceira Idade de Penápolis, em 1997. Desde então ocupou o cargo de presidente até novembro de 2005 consecutivamente. E retornou ao cargo entre 2007 e 2009, onde tinha grande paixão em atuar junto aos projetos sociais voltados à terceira idade. Sua vontade de ajudar os penapolenses não se limitava somente aos idosos, mas também a todos em geral. Prova disso foi sua dedicação ao Serviço de Obras Sociais (SOS) de Penápolis, onde já ocupou diversos cargos, entre eles o de presidente.
Atualmente ele era o tesoureiro da entidade. As crianças com riscos de vulnerabilidade social também tinham o carinho de Ferreira, que muito contribuiu com a atual Casa de Acolhimento, popularmente conhecida como a Casa Abrigo. Na Câmara, ele foi vereador entre os anos de 1989 e 1992 e de 2001 até 2004. Atualmente ele também era membro do Conselho Municipal de Assistência Social de Penápolis, o qual chegou a ser homenageado, em abril deste ano, pela secretária Tânia Pinheiro.
O corpo de Waldemar Ferreira começou a ser velado na noite de ontem na Câmara Municipal de Penápolis, e o sepultamento está programado para ocorrer hoje, mas até o fechamento desta edição o horário ainda não havia sido definido pela família.

(Rafael Machi)

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2020 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.