Classificados

VÍDEOS

Apaixonados por carros antigos se reúnem em Penápolis
Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar

SUA OPINIÃO

Você se preocupa em não compartilhar informações falsas sobre o Covid-19 em redes sociais na internet?


CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

20/05/2020

Governador sinaliza flexibilização e Célio descarta antecipar feriados municipais

Imagem/Arquivo DIÁRIO
Detalhes Not�cia
Durante vídeo, prefeito de Penápolis afirmou que feriados municipais não serão adiantados

DA REDAÇÃO

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta quarta-feira (20), em entrevista à rádio Jovem Pan que já estuda a possibilidade de flexibilização da quarentena no Estado a partir de 1º de junho. A ideia do governador é a de que a medida ocorra de forma escalonadas juntamente com o setor privado. Doria pontuou, contudo, que este momento não vai ocorrer antes do fim da quarentena vivida neste momento em todo o Estado. “Até 31 de maio, é a fase mais difícil, mais dura e mais drástica do coronavírus, não apenas para São Paulo, mas para o Brasil. O número de mortos, infelizmente, tende a crescer, e o número de pessoas infectadas também”, afirmou o tucano.
O governador disse que 26% dos 645 municípios do Estado não têm registro de casos de coronavírus e disse que as autoridades estaduais analisam, entre outros fatores, a taxa de ocupação do sistema de saúde para definir como será feita a flexibilização.
A possibilidade de afrouxar o isolamento social no estado foi comentado ainda pelo prefeito de Penápolis, Célio de Oliveira (sem partido) durante transmissão de vídeo feita pelas redes sociais da prefeitura. De forma bastante empolgada, Célio afirmou que a flexibilização ocorrerá de forma regionalmente, havendo grande possibilidade do município ser beneficiado com a medida devido às ações que vinha sendo tomadas até o momento, como a disponibilidade de mais vagas hospitalares através do Centro de Referência do Covid-19, cotado para ter seus trabalhos iniciados nesta sexta-feira, dia 22. “Penápolis acaba de confirmar sua participação na flexibilização do comércio a partir do dia 1º de junho, por que Penápolis brigou, Penápolis lutou para poder fazer a lição de casa”, afirmou.
Célio de Oliveira adiantou que não tomará a mesma medida em relação aos feriados municipais, que ocorrem nos dias 08 e 25 de outubro – dia do padroeiro e aniversário de Penápolis, respectivamente – mas que apenas seguirá os decretos de feriados a vierem a ser adotados pelo governo do estado. “Não podemos antecipar os feriados municipais porque, neste ano, eles cairão no domingo, o que torna inviável esta modificação. O que o município vai fazer é seguir as antecipações que forem feitas pelo estado o que deve ocorrer com o feriado de 9 de julho, dia da Revolução Constitucionalista, para a a próxima segunda-feira, dia 25”, comentou o prefeito.

Confira matéria completa nas edições do DIÁRIO.

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2020 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.