Classificados

VÍDEOS

Morre o cantor sertanejo Davi, da dupla com Durval
Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar

SUA OPINIÃO

Você concorda com a aplicação de multa de R$ 500 para quem não estiver usando máscaras em locais com circulação de pessoas?


CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

20/08/2008

Futuros motoristas encaram longa fila na Ciretran

Os propensos candidatos a motoristas estão tendo que enfrentar uma longa fila na Ciretran de Penápolis para conseguir cumprir uma série de exigências impostas recentemente pelo Detran. Conforme o que foi apurado pela Reportagem, os interessados estão realizando procedimentos que antes eram de responsabilidade das auto-escolas. O departamento ficou 15 dias sem atender e isso também tem contribuído para o aumento das filas. A interrupção no atendimento, conforme destacou ontem o delegado Nivaldo Martins Coelho, responsável pela 87ª Ciretran, foi justamente para que os funcionários se adequassem às mudanças.  Para evitar maiores transtornos os funcionários estão distribuindo senhas para atendimento por ordem de chegada. Como em média é possível aos funcionários atenderem a 40 interessados, a previsão é que o inconveniente perdure até a próxima sexta-feira. Muitos, apesar de precisar estar às 13h no departamento para pegarem a senha, precisam, dependendo da numeração conseguida, aguardar até a aproximação do final do expediente para serem atendidos.

Novas regras
Segundo o delegado, as adequações implantadas seguiram as novas determinações do Detran para evitar fraudes, como foram verificadas recentemente no município de Ferraz de Vasconcelos e está sendo aplicada em todo Estado. “Isto exigiu que os funcionários se adequassem às mudanças, ocorrendo a interrupção nos atendimentos ao público. A previsão, entretanto, é de que até o final desta semana a situação volte ao normal”, afirmou o delegado. A falta de mais funcionários, para o policial, também está auxiliando na demora e consequentemente na formação da extensa fila.

Precaução
Após a constatação de fraudes no citado município o Dentran implantou as alterações na tentativa de, agindo com prevenção, evitar o surgimento de novos golpes. A mudança, segundo consta, atende ao que determina a portaria 11/60 do Detran. Até então, grande parte dos serviços burocráticos eram realizados pelas auto-escolas ou mesmo pelos médicos encarregados da realização do exame obrigatório. Mas, a partir da constatação das fraudes, dentre as mudanças implantadas, está a do próprio candidato providenciar a pré-inscrição.  O primeiro passo a ser seguido pelos futuros motoristas é de, após procurar pela auto-escola de preferência, se dirigir à Ciretran com os documentos exigidos e fotos. Ele precisa ainda preparar um requerimento de próprio punho e assinar o livro de matrícula para ser cadastrado no sistema. Somente então o médico fará a conclusão dos procedimentos. Dentre as dezenas de futuros motoristas que esperavam por atendimento ontem estava o estudante Maurício dos Santos Hilário. Com um número intermediário -22-, ele esperava que até às 16h fosse atendido. “Estou aqui desde às 13h”, destacou naquele momento (às 13h50). Outro pretendente na fila era Evandro Luís Almeida, que reclamou pela demora e acúmulo de pessoas para serem atendidas. Com o número 36, ele acreditava que seria atendido somente por volta das 17h. (SRF)

Foto: Evandro reclamou da demora e acúmulo de pessoas para serem atendidas

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2020 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.