Classificados

VÍDEOS

Apaixonados por carros antigos se reúnem em Penápolis
Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar

SUA OPINIÃO

Você se preocupa em não compartilhar informações falsas sobre o Covid-19 em redes sociais na internet?


CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

28/09/2019

Funcionários do Laranjão se unem com reivindicações

Imagem/Arquivo DIÁRIO
Detalhes Not�cia
Fechamento do supermercado Laranjão de Penápolis havia sido anunciado em 5 de julho

DA REPORTAGEM

Os funcionários da rede de supermercados Laranjão que foram demitidos desde o início deste ano quando aconteceu o fechamento de unidades da região, estão se mobilizando para promoverem uma passeata prevista para ocorrer no próximo domingo (29) em São José do Rio Preto, cidade sede da rede e com maior número de demissões. 
Uma nota foi emitida pelos funcionários mostrando suas reivindicações. Funcionários de Penápolis, José Bonifácio e Votuporanga também são chamados para participarem do movimento. O supermercado Laranjão de Penápolis fechou suas portas em julho deste ano após dois anos e meio de funcionamento. Na época, eles haviam sido informados pela direção que os acertos financeiros seriam feitos em até 10 dias, entretanto, funcionários relataram que até hoje não teriam recebido.
A manifestação organizada para este fim de semana ocorre após o fechamento recente de três unidades em Rio Preto.
As demissões começaram em janeiro deste ano. O processo, que já tem mais de sete mil páginas, corre na Justiça. 
Segundo o que foi divulgado pelo portal de notícias do SBT Interior, o advogado trabalhista Leandro Aparecido Nerloze Guerra, afirmou que os representantes da empresa informaram que não têm condições de arcar com as dívidas. “Nós tentamos negociar, parcelar, mas ainda não tivemos retorno. O que fomos informados é de que as unidades não podem ser vendidas porque estão bloqueadas pela Justiça”, disse. 
Estima-se que a dívida, incluindo o pagamento de ex-funcionários, fornecedores, contas e despesas da loja, é de R$ 65 milhões, são 650 pessoas demitidas. 
Ainda sobre as três unidades fechadas recentemente em Rio Preto, fotos feitas dos funcionários se despedindo ainda dentro de uma das unidades, teriam se espalhado pelas redes sociais, causando comoção de muitas pessoas. 
A reportagem tentou contato com o Grupo Catricala – gestor da rede, mas ninguém foi encontrado para falar sobre o assunto, e também não conseguiu apurar se ex-funcionários da unidade de Penápolis participarão da manifestação.

Penápolis
A unidade de Penápolis foi oficialmente fechada em 5 de julho, quando diretores da empresa se reuniram com funcionários que ainda trabalhavam no local para anunciar o fechamento da loja.
No mesmo dia, caminhões da rede fizeram o transporte das mercadorias que restavam na loja para as unidades de São José do Rio Preto. Funcionários que tinham saldos em compras puderam retirar mercadorias a fim de liquidar estes valores.
Desde o início do ano foram fechadas lojas nas cidades de Votuporanga, José Bonifácio, Bebedouro e São José do Rio Preto.
O Supermercado Laranjão de Penápolis foi inaugurado em 08 de dezembro de 2016, sendo a única loja da rede na região de Araçatuba. A loja atendia um projeto de expansão da rede, que buscava atuar em cidades que fazem parte da área de cobertura das emissoras de TV de Rio Preto, otimizando importante ferramenta de divulgação e potencializar mais a comunicação com o consumidor.
O supermercado ficava no prédio que abrigou, por muitos anos, o supermercado Luzitana. Para sua inauguração, a loja passou por reformas e melhorias havendo a troca de 70% dos balcões de refrigeração por equipamentos modernos e ecológicos. Toda a rede elétrica, fachada, asfalto e estacionamento foram refeitos, além da instalação de uma nova cobertura no estacionamento.
O investimento total foi de R$ 4 milhões, chegando a gerar 200 empregos.

(Rafael Machi)

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2020 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.