Classificados

VÍDEOS

Morre o cantor sertanejo Davi, da dupla com Durval
Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar

SUA OPINIÃO

Você concorda com a aplicação de multa de R$ 500 para quem não estiver usando máscaras em locais com circulação de pessoas?


CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

05/09/2010

FROTA: Município tem 504 novos veículos circulando pelas ruas

Detalhes Not�cia

DA REPORTAGEM

Segundo dados do Denatran (Departamento Nacional de Trânsito), a frota do município ganha a cada dia 17 veículos, o que significou, entre janeiro e julho, um acréscimo de aproximadamente 504 novos veículos nas ruas de Penápolis. O último levantamento do Denatran, entre janeiro e abril, mostrou que Penápolis possui o total de 32.678 veículos. Destes, 15.509 são automóveis, 8.903 motocicletas, 1.237 caminhões, 1.965 caminhonetes, 596 camionetas, 155 ciclomotor, 46 micro-ônibus, 2.260 motonetas, 224 ônibus, 51 utilitários, entre outros veículos. Em Araçatuba, o acréscimo foi de aproximadamente 3,7 mil veículos nas ruas. Em Birigui, por exemplo, nove carros novos são emplacados por dia. Em Marília, o número também é menor que Araçatuba, com 17 emplacamentos. Até mesmo Rio Preto, que tem cerca de 230 mil habitantes a mais, ganha, em média, 40 veículos novos por dia. Conforme informou o delegado da 82º Ciretran (Circunscrição Regional de Trânsito), Nivaldo Martins Coelho, o aumento é em razão das empresas de açúcar e álcool, em especial a Usina Campestre, ter iniciado a safra e alavancado a economia na cidade. “Com o pagamento dos trabalhadores, eles tem aproveitado para comprar o automóvel ou motocicleta que tanto desejam”, destacou. Em média, o Ciretran de Penápolis realiza de 600 a 700 transferências e de 1,6 mil a 1,7 mil licenciamentos. Nivaldo reforça que entre as razões para o crescimento do número de veículos, estão facilidades de crédito e regras mais flexíveis para os financiamentos, dando destaque as motocicletas. “Hoje uma pessoa pode adquirir a sua moto sem entrada e em até 48 parcelas”, disse. Outro ponto mencionado pelo delegado também foi à queda dos preços de veículos, que têm se mantido mesmo após o fim da redução do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados). Além dos veículos emplacados em Penápolis, a cidade recebe diariamente carros e motocicletas de outras cidades. Nivaldo garante que o município não tem problemas de congestionamento devido ao fácil acesso, mas caso o aumento seja excessivo será necessário mudanças no trânsito para que o tráfego tenha maior fluidez. (Ivan Ambrósio)

Foto: Em média, o Ciretran de Penápolis realiza de 600 a 700 transferências e de 1,6 mil a 1,7 mil licenciamentos

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2020 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.