Classificados

VÍDEOS

Penápolis no programa Cidade contra Cidade do SBT em 1989
Residência pega fogo em Penápolis

CLIMA

Tempo Pen�polis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endere�o Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

07/05/2014

Corpo de Bombeiros de Penápolis promove simulação de acidente

Rafael Machi
Detalhes Not�cia
Bombeiros socorrem “vítima” com fratura após colisão entre carro e moto em simulação

DA REPORTAGEM

O Corpo de Bombeiros de Penápolis realizou na manhã de ontem uma simulação de resgate a vítimas de acidente de trânsito, uma colisão entre carro e moto na avenida Leandro Ratisbona de Medeiros, próximo ao Hospital Unimed. A ação que foi supervisionada pelo 1º Sargento Edivaldo Martines de Araújo, contou com o apoio da Polícia Militar, que controlou o transito para que os trabalhos fossem executados com segurança. A simulação aconteceu, quando um veículo Corsa que seguia pela avenida, no sentido centro/bairro e colidiu com uma motocicleta que vinha no sentido contrário e tentou convergir à esquerda para adentrar na rua Jairo Monteiro. No acidente duas pessoas se passaram por vítimas que estavam na motocicleta e sofreram fratura com a queda. O sargento explicou que a proximidade com a realidade é necessária para que os próprios bombeiros também desenvolvam suas funções com o máximo de dedicação possível. “Todo o trabalho se aproxima ao máximo do acontecido. Os bombeiros que participam da simulação precisam ter a noção de que, apesar de ser apenas um simulado, poderia ser uma situação real, por isso é muito importante à dedicação”, comentou. Além da Unidade de Resgate, o Corpo de Bombeiros utilizou também um caminhão autobomba para prevenção de incêndio dos veículos. “Esta também é uma ação importante, já que estamos trabalhando com motores de veículos quentes e com possível vazamento de combustível, o que pode gerar um incêndio quando um entra em contato com o outro, por isso, o cuidado com a utilização do caminhão autobomba”, ressaltou. 

Avaliação
Além de todo o trabalho, imagens da ação também foram coletadas para que sejam avaliadas e possíveis erros corrigidos. De acordo com o sargento, as expectativas foram atingidas. “O resgate simulado foi feito com rapidez e precisão, o que nos agradou muito. Tudo foi feito de forma dinâmica e muito parecido com a situação real, inclusive chamando a atenção de quem passava pelo local”, disse. Para Martines, o trabalho de simulação do Corpo de Bombeiros é fundamental para que a população tenha um atendimento rápido e de qualidade. “É necessário sempre aprimorar as técnicas de resgate e agilidade nesta situação. Falhas também precisam ser corrigidas para que em uma ação verdadeira tudo possa ocorrer de forma perfeita, pois estamos lidando com vidas em situações de risco, onde falhas podem custar caro. Assim queremos garantir um atendimento de qualidade em urgências e emergências”, ressaltou. O local da simulação foi escolhido pelo número de acidentes que ocorrem na avenida, onde já houve registro de mortes. “É claro que a prevenção é fundamental para que acidentes não ocorram, principalmente por parte dos motoristas. Estamos sempre ressaltando e pedindo para que eles tenham cuidado ao volante, para que não dirijam com pressa e que respeitem as leis de trânsito. Esta é a melhor forma de chegar bem em seu destino”, finalizou.

(Rafael Machi)

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2024 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.

Política de Privacidade