Classificados

VÍDEOS

Residência pega fogo em Penápolis
Penápolis no programa Cidade contra Cidade do SBT em 1989

CLIMA

Tempo Pen�polis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endere�o Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

07/05/2015

Comércio quer aumentar as vendas no Dia das Mães

Rafael Machi
Detalhes Not�cia
Mesmo com pouco movimento na tarde de ontem, os comerciantes esperam crescimento das vendas até o Dia das Mães

DA REPORTAGEM

Mesmo com a crise econômica que tem assombrado o comércio em todo o país, a expectativa de vendas para este Dia das Mães é considerada bastante positiva afirmou o presidente do Sindicato do Comércio Varejista (Sincomércio) de Penápolis, Norberto Laranja. Isso porque a data é a 2ª melhor do ano em vendas, perdendo apenas para o Natal. Laranja explica que não é de hoje que o comercio penapolense, assim como em todo o Brasil, vem sofrendo com a queda nas vendas. Para ele, são vários os motivos. “Temos que pensar que hoje o brasileiro sente o peso da inflação, da política desgastada; sem contar o desemprego que assombra milhares de pessoas e que infelizmente acaba refletindo no comércio”, comentou.
Outra dificuldade apontada por ele é em relação ao endividamento das pessoas. “A inadimplência sempre foi, um problema para o comércio. Hoje uma saída para conseguir comprar tem sido o retorno da utilização do cheque, por que dinheiro a pessoa não tem mais, o cartão também está estourado, então começam a recorrer ao cheque, onde ainda é possível parcelar e estender o prazo de pagamento das compras na tentativa de desafogar”, opinou. A pesar disso, ele lembrou que muitos comerciantes têm mantido contato com seus devedores para renegociarem suas dívidas com condições melhores, o que tem ajudado o comércio local a enfrentar a crise atual. Laranja reconheceu que este ano a venda para a data deve ser difícil para o comerciante, esperando que sejam compatíveis com o alcançado em 2014. Para ele, a criatividade será fundamental para os bons resultados. “O comerciante terá que ter criatividade e boa visão em relação às vendas. Ele precisará incentivar o cliente a comprar o presente da mamãe de alguma forma com que ele também saia ganhando. A menos de uma semana para a data especial o comerciante vai ter que ter paciência e não poder desanimar”, ressaltou.

Presentes
Ainda de acordo com o presidente do Sincomércio, o presente da mamãe deve ser relacionado à parte de eletrônicos, seguindo a tendência de outras datas. “É claro que por se tratar da mãe, teremos aqueles tradicionais presentes como flores, chocolates e roupas, mas a cabeça das pessoas tem mudado muito com o tempo e os eletrônicos têm crescido cada vez mais no mercado. Neste sentido ressalto a importância do comerciante por em prática a criatividade e cativar o cliente a comprar seu produto”, enfatizou. Como forma de incentivo, o comércio terá horário alternativo neste fim de semana para os clientes realizarem suas compras de forma mais tranquila.
Na sexta-feira (08) o horário se estenderá até 22h00. No sábado (09) fica aberto até às 16h00. Também como forma de incentivar as compras no comércio local, o Sincomércio em parceria com a Associação Comercial e Empresarial (ACE) de Penápolis, promove a promoção “Eu curto muito minha mãe”. O 1º e 2º prêmios serão um Iphone 5S. O 3º prêmio uma televisão de 42 polegadas, o 4º e 5º prêmios serão bicicletas.
A promoção vai até o dia 10 e o sorteio acontece no dia 13 de maio, às 15h00 na sede do Sincomércio.

(Rafael Machi)


Inadimplência no comércio recua em abril

A inadimplência no comércio de Penápolis registrou queda em abril, apesar da situação econômica no País ser de atenção. Segundo dados do SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), administrado pela Boa Serviços, e colhidos pelo Sincomércio de Penápolis, houve queda de 4% na quantidade de pessoas que teve o nome incluído no cadastro de devedores em abril, se comparado com março. A medição foi feita entre os dias 26 de março e 25 de abril. Além disso, aumentou em 13% o número de pessoas que conseguiu quitar as dívidas e limpar o nome no período, se comparado com os 30 dias anteriores.
Os números também apontaram crescimento de 7% na quantidade de consultas de crédito, que é um indicativo de aumento na intensão de compra. Por outro lado, houve queda de 3% nas consultas com débito, o que mostra que grande parte dos consumidores que foram às compras em crediário estava com as contas em dia.

(AI/Sincomércio)

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2024 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.

Política de Privacidade