Classificados

VÍDEOS

Residência pega fogo em Penápolis
Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar

CLIMA

Tempo Pen�polis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endere�o Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

29/10/2021

Câmara Municipal reclama previsão de novos pedágios

Imagem/Imprensa Câmara
Detalhes Not�cia
Previsão de novos pedágios na região, incluindo um entre Penápolis e Braúna, foi bastante criticada pela Câmara Municipal de Penápolis

A Câmara Municipal de Penápolis teve em sua sessão terça-feira, dia 26, diversos manifestos contra a previsão de implantação de novos pedágios na região, na Rodovia Assis Chateaubriand, incluindo um entre Penápolis e Braúna. A presidente do Legislativo, Letícia Sader (MDB) defendeu a duplicação da via com recursos do governo estadual, sem novas cobranças, o que foi reforçado em outros discursos pelos vereadores. O vereador Professor Bruno (PSD) considerou que invés de mais pedágios, deveria haver a diminuição de cobranças das praças já em funcionamento. A vereadora Professora Jandinéia (PT) repercutiu que a duplicação de rodovias é responsabilidade do Estado, o qual ela afirmou que possui recursos para o atendimento. “Novos pedágios vão prejudicar o trabalhador, a população no geral”, opinou a petista. 
O vereador Altair Reis (Cidadania) discursou que  é inaceitável implantar pedágio antes de ocorrer a duplicação de rodovia e também apontou a necessidade redução dos valores dos  pedágios em São Paulo, cujas tarifas são bem maiores do que em outros estados. O vereador Isanoel  Ditinho (Podemos) falou que as dificuldades financeiras do país agravadas com a pandemia da Covid-19, novos pedágios pioram ainda mais a situação e criticou a previsão da concessão de trechos de rodovia na região por 30 anos num pacote de duplicação de apenas 30 quilômetros. O vereador Júlio Caetano (PSD) criticou o governador João Dória. O pessedista disse que novos pedágios  aliados ao presídio já existente  afetam negativamente a região. O vereador Paulinho do Esporte (DEM) combateu ainda mais os novos pedágios diante da falta de previsão da duplicação nos trechos da Chateaubriand que deverão ter a cobrança em Penápolis e José Bonifácio. “Vamos pagar a conta e não teremos o benefício”.

Imprensa/Câmara

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2022 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.

Política de Privacidade