Classificados

VÍDEOS

Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar
Residência pega fogo em Penápolis

CLIMA

Tempo Pen�polis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endere�o Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

15/10/2008

Campanha de Medula Óssea cadastra 4.472 voluntários

Detalhes Not�cia

No dia de mobilização em defesa da vida, o povo penapolense se engajou na Campanha de Cadastramento de Doadores de Medula Óssea e compareceu em massa aos postos de atendimento fixos no último sábado. Foram totalizadas 4.472 amostras, ou seja, número de pessoas que se cadastraram voluntariamente. O número foi considerado bem significativo para o Hospital de Câncer de Barretos, que coordena o cadastramento.
A partir de agora, em Barretos, será feitos os exames e a tipagem genética e inclusão em um banco nacional de dados. Se houver compatibilidade com algum paciente, o cadastrado e possível doador de medula será consultado sobre a doação. Acredita-se quem em 20 dias a triagem estará completa e divulgado se foram encontrados entre os cadastrados em Penápolis algum doador compatível com quem está na fila do transplante. "A campanha foi um sucesso. As pessoas se envolveram emocionalmente em prol desta iniciativa. Mobilizamos toda a cidade através dos vários meios de comunicação. Houve voluntariamente o engajamento de entidades, instituições e iniciativa privada. Valeu o esforço de todos" - avaliou o Mestre Conselheiro do Capítulo DeMolay da Loja Maçônica "Estrela Noroeste do Brasil" de Penápolis, Rodolfo Marques de Campos. Os cavaleiros templários da Ordem DeMolay engajaram-se de corpo e alma na campanha, em conjunto com a Funepe (Fundação Educacional de Penápolis). "O nosso agradecimento é em geral, para todos que contribuíram direta ou indiretamente para este momento ímpar em nossa cidade. Todo trabalho foi válido" - reforçou. A megacampanha de Cadastramento de Doadores de Medula Óssea em Penápolis teve início na sexta-feira, quando foram cadastradas perto de duas mil pessoas. A primeira etapa consistiu em visitas a empresas pela equipe do Hospital do Câncer de Barretos e voluntários. Entre elas a Clealco Clementina, Clealco Queiroz, Usina Campestre, Camaleoa, Canta Claro, Asperbras, Belgo Rosseti, além do Tiro-de-Guerra, Paço Municipal e Departamento Autônomo de Água e Esgoto de Penápolis (Daep).
Movimentação expressiva também ocorreu no período noturno quando os cadastros foram efetuados na Funepe. Centenas de pessoas entre alunos e membros da sociedade aglomeraram-se em filas para colaborar com a causa, o que se repetiu também durante o dia de sábado. Um dos pontos fixos mais procurados das 9h às 16h foi o pátio do Santuário São Francisco de Assis, onde se instalou estrategicamente todo o complexo de coordenação e evolução da megacampanha.
Acredita-se que foi atingido em grande percentual o público alvo a ser considerado doador, que é o da faixa etária dos 18 aos 55 anos. O número de amostras acabou sendo maior que algumas cidades do mesmo porte ou até com mais habitantes que Penápolis, o que também foi muito festejado. A única esperança para milhares de portadores de Leucemias e outros tipos de doenças do sangue é o transplante de medula óssea e, como doador, qualquer pessoa poderá salvar uma vida. Outros números mais detalhados e demais informações sobre a campanha seriam divulgados ontem no início da noite. (Redação)

Foto: Um dos pontos fixos mais procurados foi o pátio do Santuário São Francisco de Assis

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2021 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.

Política de Privacidade