Classificados

VÍDEOS

Penápolis no programa Cidade contra Cidade do SBT em 1989
Residência pega fogo em Penápolis

CLIMA

Tempo Pen�polis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endere�o Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

26/08/2018

Barretão 2018: Dudu Ramires volta a se destacar em transmissão de festa

Imagem/Divulgação
Detalhes Not�cia
Dudu Ramires se destaca narrando e levando o mundo do rodeio para as pessoas através dos veículos de comunicação

DA REPORTAGEM

O locutor de rodeios altoalegrense Dudu Ramires tem ganhado destaque e reconhecimento nas mídias com seu trabalho voltado para o rodeio brasileiro. Por mais um ano, ele participa da Festa do Peão de Barretos, que termina neste domingo (26). Ele é um dos apresentadores das transmissões da Rede Vida de Televisão, que leva as emoções de Barretos ao vivo para todo o Brasil. Ele conquistou seu espaço na rádio Ativa FM (93,5) de Penápolis com um programa voltado para o mundo do rodeio.
Há 13 anos narrando profissionalmente, esta é a 9ª participação do locutor no maior evento do gênero da América Latina, 4º consecutivo pela televisão. Dudu Ramires transmitirá hoje as finais das competições que acontecem em Barretos a partir das 19h00. Criador do jargão “Acima da Média”, atuar em uma transmissão de rodeio da qualidade de Barretos para todo o Brasil se tornou um divisor de águas em sua vida. “Fazer um trabalho como este é estar em evidência, mostrando seu trabalho, além disso, mostra o reconhecimento do meu esforço. Estou sempre me aperfeiçoando, buscando melhorar cada vez mais meu trabalho, e poder participar da Rede Vida em um evento como este é sempre uma grande honra”, comentou. 
O reconhecimento se faz nos boletins semanais que o locutor grava para um programa esportivo da emissora, onde ele comenta os principais fatos dos grandes rodeios do país.
Seu trabalho ganhou recentemente destaque na programação da Rádio Ativa FM de Penápolis, onde ele apresenta o programa “Bailão de Peão”. “Este é um programa voltado para o mundo do rodeio, onde levo músicas, narrações e informações sobre este universo”, explicou. O programa vai ao ar aos sábados das 16h00 às 18h00 e aos domingos das 12h00 às 14h00. “Estou no ar há cerca de dois meses e a repercussão tem ido muito positiva. Amigos e outras pessoas têm ouvido e elogiado bastante, o que me deixa muito feliz, pois o programa é feito com muito carinho para as pessoas e é muito bom receber este carinho de volta”, ressaltou.

Reconhecimento
Tanta dedicação ao mundo do rodeio fez com que Dudu Ramires recebesse na semana passada o Diploma Orestes de Ávila. A homenagem se dá a empresários, jornalistas, competidores entre outros nomes que contribuem para o mundo do rodeio. “Receber um prêmio como este é motivo de orgulho para mim. É o reconhecimento do meu trabalho, da minha dedicação”, afirmou.
Orestes de Ávila foi o idealizador e o primeiro narrador de rodeios. Ele também foi um dos fundadores da Festa do Peão de Barretos, considerada hoje como uma das maiores do mundo. “Orestes narrava no gogó ou às vezes no megafone, numa época em que não havia quase nada de tecnologia. Narrou rodeios por 25 anos seguidos e o nome dele foi parar no livro dos recordes”, afirmou o jornalista Cacildo Júnior, idealizador do Diploma que há 19 anos presta as homenagens a pessoas de destaque e que de alguma forma contribuíram para o atual cenário do rodeio, como o arquiteto Oscar Niemeyer a autora de novelas Glória Perez.

Carreira
Antes de entrar na arena e se tornar referência na locução de rodeio, Vanilson Ramires Ferreira, o Dudu Ramires, cortou muita carne trabalhando como açougueiro em um mercado em Alto Alegre, do qual era sócio junto com dois irmãos.
Fã de rodeio, o paulista narrou sua primeira competição em 1998 em um “Barretinho” (nome dado as pequenas festas de peão). Mais tarde, foi convidado para trabalhar em outro rodeio, a maioria deles sem cachê. Não demorou muito para desanimar e deixar a profissão de locutor em segundo plano. Decepcionado, Dudu resolveu mudar de cidade. Em Paulínia (SP), arrumou um emprego de açougueiro em um mercado local. Em uma manhã, enquanto amolava as facas no balcão, viu um de seus ídolos das arenas, o locutor de rodeio ‘Palito’, famoso pelo repertório largo de versos. Dudu não se conteve e soltou um verso. Palito retrucou. E ali, em pleno açougue, começou o duelo. As pessoas e o dono do mercado se aproximaram para ouvir a “conversa”. 
Para surpresa de Dudu, Palito era amigo de seu patrão. “‘Hoje você vai ficar sem açougueiro. Ele vai sair mais cedo, vou levá-lo para narrar o rodeio comigo’”, conta Dudu, imitando a voz do locutor. “Nesse dia, coloquei na cabeça que iria ser locutor profissional. Retornei para Alto Alegre e comecei tudo novamente”, diz. 
Em 2006, o presidente do rodeio local convidou Dudu para narrar o evento. Ali, seus planos começaram a decolar. Vendeu a parte na sociedade do mercado e, hoje faz locução para diversas festas de peão por ano. “Tenho muito que agradecer pelo sucesso que venho alcançando. Em especial à Radade, minha patrocinadora, minha equipe que está sempre se dedicando a apresentar o melhor, aos DJ’s Xuxu e PH (oficial Barretos), ao Rudnei Pizole, ao Rodrigo Cavanha. Sem esquecer ainda da Rede Vida e a família Monteiro, o Odair Silva, a Direção da Rádio Ativa FM e todas aquelas pessoas que sempre me motivaram muito por este meu caminho”, finalizou Dudu. 
Quem quiser acompanhar o trabalho do locutor pode segui-lo em suas redes sociais. No Instagram @duduramires1 e no Facebook Dudu Ramires.

(Rafael Machi)

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2024 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.

Política de Privacidade