Classificados

VÍDEOS

Apaixonados por carros antigos se reúnem em Penápolis
Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar

SUA OPINIÃO

Você está otimista em relação a participação do Penapolense na Série A-2 deste ano?


CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

20/09/2018

Após tempestade, penapolenses contabilizam prejuízos

Imagem/Rafael Machi
Detalhes Not�cia
Ontem pela manhã tratores tabalhavam na limpeza de lama na Estrada Vicinal Kemil Rahal

DA REPORTAGEM

A quarta-feira (19) foi de muita limpeza para os penapolenses depois da tempestade rápida que atingiu a cidade na tarde da última terça-feira (18). Apesar de rápida, a chuva com fortes rajadas de ventos causou diversos estragos para moradores, comerciantes e empresários. O Corpo de Bombeiros não registrou nenhuma vítima de qualquer incidente. 
Segundo o Departamento de Água e Esgoto de Penápolis, o Daep, em poucos minutos choveu 40 milímetros. Segundo apurado pela reportagem, algumas árvores, ou partes delas, caíram em algumas regiões da cidade. Um carro chegou a ser atingido por uma árvore que caiu próxima da avenida Mato Grosso, na Vila Fátima. 
Em uma casa, na área central da cidade, o portão foi atingido por outra árvore, e diversos galhos, em diferentes lugares, ficaram caídos nas ruas. Na Antonieta Vilela Ferreira um caminhão que passava pelo local, que está em obras para a colocação novas tubulações, caiu em um buraco. Parte da rua está sem asfalto, que será refeito após as obras.
Problemas no asfalto também tiveram os moradores do bairro Gimenez e Benone Soares. A estrada Kemil Rahal precisou ser interditada depois que um buraco se abriu no asfalto, fazendo com que muita lama descesse pela via, obstruindo o trânsito de veículos no local. A empresa responsável pela construção do bairro Marco Guerreiro, tinha feito obras no local para a colocação de rede de esgoto, o problema é que as obras não aguentaram a força das enxurradas e buracos se formaram pelo local, espalhando a lama. 
Na manhã seguinte à própria empresa fez os reparos necessários e a limpeza da via. Até o fim da manhã de ontem o trânsito na estrada ainda não havia sido liberado. 
A prefeitura também sofreu com as chuvas e os fortes ventos. Portas de vidro do hall de entrada do Paço Municipal quebraram, espalhando estilhaços pelo local. Algumas salas também foram tomadas pela água e os funcionários precisaram realizar uma “força tarefa” para retirar a água. Apesar dos transtornos, os atendimentos foram mantidos normalmente ontem. 
O mesmo aconteceu com a unidade do Poupatempo, que fica no Penápolis Garden Shopping. O local foi tomado pela água e os funcionários também precisaram fazer a limpeza do local, mas o atendimento foi mantido ontem (19). 
O coordenador técnico da Defesa Civil de Penápolis, Wilson Carlos Braz, afirmou que, apesar dos estragos, todos os serviços públicos foram mantidos normalmente e que não houve o registro de danos estruturais em residências ou em outros prédios, bem como não foi registrado nenhum caso de famílias desabrigadas.

Aeroporto
Os maiores estragos foram registrados no Aeroporto Ramalho Franco. Pelo menos quatro hangares foram atingidos pela força do vento. Dois deles, pertencentes a uma empresa, tiveram apenas pequenos estragos no teto e na porta. Em outro hangar, pertencente à outra empresa, todo o teto veio abaixo. 
A maior destruição ficou para um hangar pertencente a um grupo de empresários. O espaço foi atingido pelas rajadas de vento, que destruíram completamente o local. Telhas de zinco voaram a quase 200 metros. Um avião que estava no hangar também foi atingido pela queda do teto e paredes, mas não chegou a ser danificado. 
Em nota, o Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo (DAESP), responsável pela operação do aeroporto local, informou os danos ocorridos em hangares e na cerca do Aeroporto Estadual, e afirmou que o espaço já está sendo revitalizado. O órgão ressaltou que as operações do aeroporto não foram interrompidas e seguem normalmente.

CONFIRA GALERIA DE FOTOS NO JORNAL IMPRESSO.

(Rafael Machi)

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2020 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.