Classificados

VÍDEOS

Apaixonados por carros antigos se reúnem em Penápolis
Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar

SUA OPINIÃO

Você mantém a tradição de frequentar bailes com marchinhas de carnaval?


CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CIDADE & REGIÃO

23/03/2014

600%: Penápolis vive momento marcante com crescimento na geração de emprego

Secom-PMP
Detalhes Not�cia
Clealco Penápolis ainda não deixou de contratar; a seleção de mais trabalhadores para as áreas de campo e indústria continua

Confirmando previsões e abrindo um cenário otimista para a economia de Penápolis e  região, o Ministério do Trabalho divulgou recentemente o crescimento de 600% no número de vagas formais no mercado de trabalho da cidade neste mês de fevereiro. Isso se deve à criação da Unidade de Produção Isolada da antiga Usina Campestre, recém adquirida e posta em funcionamento pelo Grupo Clealco. Os números estão disponibilizados no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho – o Caged.
O prefeito de Penápolis, Célio de Oliveira, comemorou a notícia, e afirmou que o momento é de positivismo, já que existe a expectativa de que o mesmo se repita no mês de março. 
“Nós já tínhamos esta convicção de que haveria um crescimento muito significativo no número de empregos com carteira assinada a partir da vinda deste grupo empresarial. Por isso nos empenhamos tanto, enquanto poder público, para a implantação da Clealco Penápolis”, comentou ele. 
“As perspectivas são animadoras e a economia da cidade felizmente volta a se aquecer de forma destacada, após um difícil período de baixa no comércio, entre outros problemas que a demissão de mais de 1.200 trabalhadores causou à cidade, quando da paralisação das atividades da Campestre”, acrescentou.
Célio de Oliveira lembrou que a Clealco Penápolis ainda não deixou de contratar. “A seleção de mais trabalhadores para as áreas de campo e indústria continuam, o que nos leva a crer que a situação de melhoria no cenário econômico seja evolutiva e permanente”, disse.
“Inclusive estamos mantendo conversações com a direção do Grupo Clealco para uma parceria na implantação de cursos de qualificação específica da mão de obra para o setor de usina. Para isso utilizaremos a nossa estrutura disponível no Instituto Municipal de Profissões, que a cada dia também vem crescendo com a oferta de cursos nas mais variadas áreas de profissionalização”, contou Célio. “Com isso estaremos oferecendo o trabalhador já capacitado para a empresa, dando garantia de emprego”.
Ele reconheceu que o pleno funcionamento da Clealco é fundamental para o desenvolvimento do município, e que sem a usina funcionando, além da redução dos postos de trabalho, a cidade acaba tendo uma redução na quantidade de impostos, prejudicando investimentos da municipalidade.

Números
Penápolis criou, no último mês de fevereiro, 318 postos de trabalho a mais que no mesmo período do ano passado (em 2013 foram 52 postos de trabalho). 
Ainda segundo o Caged, o setor da economia que mais contratou na cidade foi a indústria; o saldo era negativo de -4 no ano passado, e passou no último mês para 163.  Outro setor que está aquecido é o da construção civil, que teve em fevereiro 21 contratações a mais que no mesmo período do ano passado.

Vagas
Atualmente a Clealco Penápolis oferece várias vagas de trabalho: operador de evaporador, motorista de caminhão pipa (CNH letra D), tratorista (CNH letra B), operador de motobomba; fertirrigação (não precisa de experiência), operador de colhedora, engatador (não precisa de experiência), e cozedor. 
Os interessados devem comparecer e levar currículo no PAT, que fica localizado na Rua Irmãos Chrisóstomo de Oliveira 330, em frente a Biblioteca Municipal Prof. Fausto Ribeiro de Baros, no centro da cidade. Mais informações pelo telefone 3652-0603.

Secom – PMP

 

Klin investirá na ampliação do seu parque fabril

Outra boa notícia dada pelo prefeito Célio de Oliveira é referente ao interesse da indústria de calçados Klin em ampliar a sua unidade em Penápolis, expandindo sua capacidade e consequentemente fazendo mais contratações de funcionários.
“Nesta sexta-feira estive reunido com representantes da Klin, entre eles o proprietário da empresa, Carlos Alberto Mestriner, que apresentou um plano de ampliação do seu parque fabril existente em Penápolis. Isso me deixou muito satisfeito, pois vemos que a Klin, que é uma empresa sólida, com unidades em Gabriel Monteiro, Birigui e Três Lagoas, deseja investir ainda mais na nossa cidade, acreditando no seu potencial”, avaliou Célio.
O prefeito comentou ainda que o fato é motivo de comemoração, pois a Klin atualmente é uma das maiores empresas de Penápolis. “Nos últimos tempos, neste processo de expansão que tem contado com o apoio da administração municipal, a empresa já contratou quase 300 novos funcionários”, disse ele.
“Com esse projeto de ampliação, o parque fabril da Klin em Penápolis pode chegar a 7 mil metros quadrados. Por isso vamos tentar viabilizar uma parceria com a indústria. Deverá haver a construção de um novo galpão com 1.700 metros quadrados”, completou.
Célio de Oliveira comentou que a comunidade sempre pede incentivo para a vinda de novas empresas, porém ele considera que não podem ser esquecidas as empresas que já estão estabelecidas na cidade.
“Existem empresas dentro de Penápolis, e que estão sendo apoiadas com várias ações pela nossa gestão, que acabam gerando também muitas novas oportunidades de trabalho. Além da Klin, que vamos apoiar em seu projeto de expansão, de acordo com as possibilidades do poder público, temos ainda 18 empresas do setor de vedação que progridem a cada dia, sem contar a Midori Atlântica, que tem feito inúmeras contratações, e também a Unifardas”, citou. 
“São alguns exemplos que, com o apoio recebido da gestão municipal, tem propiciado a criação de novos empregos. Isso sem contar com a vinda do grupo Clealco”, concluiu.

Capacitação
O prefeito lembrou ainda que a Klin, está necessitando com urgência de mais de 30 pessoas para trabalhar de imediato na área de pesponto, e que pensando em atender o quanto antes esta demanda, a Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Trabalho e Turismo e o Instituto Municipal de Profissões, está oferecendo curso de capacitação gratuito na área.
Os interessados que concluírem o curso, serão imediatamente contratados pela empresa Klin. Serão formadas duas turmas do curso de Pesponto, com 16 vagas cada, sendo uma no período da manhã, com aulas das 8h às 12h; e outra no período da tarde, das 13h às 17h. 
O curso de Pesponto é voltado para pessoas a partir de 16 anos, seja homem ou mulher. É exigida escolaridade mínima até a 6ª série do Ensino Fundamental (7º Ano). 
Para fazer a inscrição basta comparecer pessoalmente no Instituto de Profissões com  RG, CPF, comprovante de escolaridade e comprovante de residência. O endereço é avenida Antonio Veronese, 870, Jardim Brasília (ao lado da Fassp). O horário de atendimento é das 13h30 às 16h e das 19h30 às 22h, e o telefone para mais informações é 3652.8822.

Secom – PMP

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2020 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.