Classificados

VÍDEOS

Apaixonados por carros antigos se reúnem em Penápolis

SUA OPINIÃO

Você utiliza o telefone fixo em sua casa?


CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CARTA DO LEITOR

26/05/2019

TRIBUTO A UM PEQUENO GRANDE HOMEM!

A manhã de quarta-feira (22) estava bem fria, por duas ou três vezes em que acordei durante a noite lembrei deste meu amiguinho que eu considerava como irmão, nas minhas orações matinais de hoje, lembre-me dele novamente e fiz um pedido ao Senhor meu   Deus, que amenizasse o seu sofrimento, pois, conforme as últimas notícias, eram desanimadoras, queria que o Senhor retirasse o mal que o afligia e devolvesse ao nosso convívio, para continuar nos alegrando com sua presença, porém Deus na sua imensa sabedoria resolveu recolhe-lo ao seara dos escolhidos, fui na hidro ginástica e quando voltei, ao ver o WhatsApp deparei com a notícia de seu falecimento, minhas pernas bambearam, os olhos marejaram, balbuciei em um tom baixo para a minha esposa: o meu amigo morreu. Conheci-o em uma das ações de marketing, que a agência de Penápolis, do Banco Itau fazia nos anos 70, um jogo de futebol com o distrito do Jatobá, município de Alto Alegre, quando um cliente do banco, trouxe-o até a mim e disse: você tem que colocar este menino no banco, é de boa família, é trabalhador e joga muito bem futebol. Disse-lhe para me procurar no banco, pedi para preencher uma ficha com seus dados cadastrais e algumas informações complementares de pessoas que o conhecia. Realmente as informações eram excelentes e não é que o "carinha" apesar da sua baixa estatura jogava muito bem! E assim começava uma carreira bancária promissora, em virtude da sua competência, sua educação, dedicação, humildade culminaram na sua ascensão chegando a ser gerente em várias praças, como Garça, Jaú, Bauru etc. Para mim foi, indubitavelmente um grande companheiro, acompanhava-me na zona rural, que conhecia muito bem, atrás de conquistas de clientes. Quando fiquei sabendo do seu problema de saúde, muito me preocupei, visitando-o por algumas vezes tentando motivá-lo, apesar da gravidade, confesso que orei muito pela sua recuperação, porém, não somos donos do nosso destino, e a Deus ele pertence. Apesar da tristeza que ficou, tenho certeza de que hoje as portas do paraíso, sob sons de trombetas das castas angelicais a sua alma foi acolhida, agraciada e abençoada pelo Criador. Deixo aqui um até mais ver meu amigo Zu do Alto Alegre, Maritaca do Itaú ou simplesmente Claudinei Aparício Penteado, que tenhas a paz do sono dos justos, pois, este mérito é todo seu.

José Maria do Valle, Penápolis/SP, por e-mail

Envie seu artigo para o "Carta do Leitor"

Envie-nos, através do e-mail carta@diariodepenapolis.com.br sua mensagem com críticas, sugestões ou para discutir algum assunto de interesse público. A mensagem deverá conter seu nome completo, RG e endereço de e-mail válido.

© Copyright 2019 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.