Classificados

VÍDEOS

Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar
LIVE SOLIDÁRIA BANDA TUNA

CLIMA

Tempo Pen�polis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endere�o Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

GERAL

02/07/2021

Donos de bares e restaurantes protestam contra lockdown noturno em Rio Preto

Guilherme Baffi/Diário da Região
Detalhes Not�cia
​​A manifestação terminou em frente à Prefeitura de Rio Preto​

Cerca de 200 donos de bares e restaurantes de Rio Preto se reuniram em uma manifestação pacífica, hoje cedo (02), em frente ao Terminal Urbano de Rio Preto, para protestar contra a prorrogação do lockdown noturno, estendido até dia 11 de julho.

Os empresários alegam que, enquanto os restaurantes e bares são fechados, as aglomerações acontecem dentro dos ônibus de transporte coletivo. Eles também afirmam que não conseguem mais sustentar suas famílias, já que os estabelecimentos estão fechados.

​​A manifestação terminou em frente à Prefeitura de Rio Preto. A administração não vai se posicionar sobre o assunto.

Com a prorrogação, o lockdown noturno com as novas regras ​começou a valer hoje. A medida é uma forma de conter a circulação de pessoas e intensificar o combate às festas clandestinas e aglomerações para controlar o avanço da pandemia da covid-19.

Entre as principais mudanças do lockdown noturno está a ampliação do horário do funcionamento das atividades econômicas em uma hora, passando das 18h para às 19h. A restrição de circulação de pessoas será das 20h às 5h.​ ​O novo decreto mantém a proibição da venda, fornecimento, consumo e transporte de bebidas alcoólicas entre 19h às 6h, de segunda à sexta-feira, e aos finais de semana a proibição é durante 24 horas. Antes, a regra determinava que a venda durante a semana fosse encerrada às 18h.

A prefeitura informou que a fiscalização continua sendo feita por meio de blitze da Guarda Municipal, Polícia Civil e Militar, Vigilância Sanitária e Vara da Infância e Juventude.​ ​Os estabelecimentos e pessoas físicas que desrespeitarem as regras poderão ser multados, sendo que o valor mínimo da multa está mantido em R$ 6.296,00. (Com Diário da Região)

VEJA TODAS AS NOT�CIAS

© Copyright 2021 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.

Política de Privacidade