Classificados

VÍDEOS

Apaixonados por carros antigos se reúnem em Penápolis
Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar

SUA OPINIÃO

Durante o auge do preço da carne, você passou a consumir menos o produto?


CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

ESPORTES

01/12/2017

Tradicionais, Ciclo Dú e Araponga buscam vaga na decisão

Imagem/Divulgação
Detalhes Not�cia
O Araponga conta com a disciplina de seus jogadores para chegar a decisão

No domingo, 3, serão definidos os times finalistas da 3ª Super Copa de Futebol Mini-Campo, promovida pela Prefeitura Municipal de Penápolis, através da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude. A primeira semifinal acontece às 08h30, no Centro Esportivo “Velmiro dos Santos”, e será entre Ciclo Dú x Araponga, dois dos mais tradicionais times da cidade. O Ciclo Dú nasceu no dia 10 de março de 1993. Gilson Lazari, o Duzão, é o presidente da equipe. Segundo ele, na época existiam poucos times de mini-campo na cidade. Desde o seu nascimento, permanecem no time os jogadores Rodrigo (Diguinho), Minhoca, Duzão e o Maurão – que parou de jogar este ano. Ele revelou que, na sua opinião, a equipe envelheceu um pouco, já que alguns jogadores estão na faixa dos 40 anos. “Porém, estamos renovando o plantel com vários garotos”, afirmou. Além dos jogos aos sábados a tarde, a equipe participa de campeonatos e torneios em Penápolis e na região, sempre obtendo bons resultados. “A equipe hoje conta com uma diretoria, é mais organizado e menos cansativo para mim”, disse. Todo atleta para entrar na equipe tem que contar com a aprovação dos demais integrantes. Os líderes do Ciclo Dú são o Catanduva, Rodrigo, Mário, Bain e Cleber. Com relação a Super Copa, Duzão disse que espera uma semifinal equilibrada. “Fizemos um campeonato bom, e estamos focados para chegar a final”, finalizou.  Já o Araponga é um time com mais de meio século de vida. No entanto, desde 1976 está sendo coordenado pelo esportista Pingo. A equipe manda seus jogos em seu próprio campo, que segundo Pingo, tem um dos melhores gramados da região. A maioria dos jogadores que pertencem a equipe, são do bairro e de outros vizinhos, como o Galinari. Outros jogadores hoje estão morando na cidade, mas, somente deixaram o campo após o fim da lavoura do café. No ano passado, o Araponga chegou até a fase de quartas-de-final. Este ano o time chegou a semifinal e o objetivo é chegar a decisão. “A nossa equipe está motivada e esperamos realizar um grande jogo”, disse. Segundo Pingo, uma das principais virtudes de sua equipe é a disciplina. “Prezamos isso em nosso time, respeito com a arbitragem e aos jogadores adversários. Tenho certeza de que será uma grande partida”, finalizou.

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2020 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.