Classificados

VÍDEOS

Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar
LIVE SOLIDÁRIA BANDA TUNA

CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

ESPORTES

21/10/2020

São Paulo entra com ação no STJD e pede a anulação do jogo contra o Atlético/MG

Imagem/Reprodução
Detalhes Not�cia
O Tricolor sente que foi lesado pelo gol mal anulado de Luciano, quando o placar ainda estava zerado no Mineirão

Na segunda-feira, o São Paulo formalizou uma ação no STJD pedindo a anulação da partida contra o Atlético/MG, que foi vencida pelos mineiros por 3 a 0. O Tricolor sente que foi lesado pelo gol mal anulado de Luciano, quando o placar ainda estava zerado no Mineirão. O gerente executivo de futebol Alexandre Pássaro explicou qual é o objetivo da ação do São Paulo. "O que nós pedimos fundamentalmente é a anulação da partida. O São Paulo entrou com esse pedido porque foi prejudicado pela má aplicação ou pela aplicação errada da regra do jogo. O São Paulo sempre entendeu, desde o momento do lance do Luciano, que foi prejudicado. A única diferença é que só tivemos elementos que comprovaram o prejuízo do São Paulo na última quarta-feira, na entrevista que o Gaciba deu e posteriormente na quinta-feira, em reunião que a gente já tinha agendado na terça", afirmou Pássaro. "Então, considerando esses fatos e que pudemos entender que foi má aplicação da regra e não uma interpretação certa ou errada, que seria um erro de fato, a gente entende que foi constituído um erro de direito. E com base nisso a gente precisa dos pontos, quer os pontos, e entende que essa partida precisa ser anulada e que a gente não pode ter perdido esses três pontos. Não dessa forma e não depois do que aconteceu", completou. A revolta do São Paulo em relação à partida no Mineirão foi reinstaurada após o presidente da Comissão de Arbitragem da CBF, Leonardo Gaciba, admitir na semana passada que o VAR foi mal utilizado ao anular equivocadamente o gol de Luciano. Dessa forma, o Tricolor se ampara nos artigos 119 e 259 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva para pedir a anulação do confronto, sendo que o último item prevê que: "A partida, prova ou equivalente poderá ser anulada se ocorrer, comprovadamente, erro de direito relevante o suficiente para alterar seu resultado". Vale lembrar que, no domingo, o Grêmio utilizou o seu Twitter para informar que entrará com uma ação pedindo a anulação da partida contra o São Paulo, que terminou empatada sem gols no sábado. De acordo com os gaúchos, o jogo teve uma "arbitragem desastrosa e danosa".

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2020 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.