Classificados

VÍDEOS

LIVE SOLIDÁRIA BANDA TUNA
Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar

CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

ESPORTES

31/07/2020

São Paulo chega a 26 eliminações em mata-matas

Imagem/Reprodução
Detalhes Not�cia
O São Paulo foi eliminado pelo Mirassol na noite de quarta-feira, no Morumbi

Tido como favorito no confronto, o São Paulo perdeu por 3 a 2 para o Mirassol, quarta-feira, no Morumbi, e disse adeus ao Campeonato Paulista. Uma zebra se compararmos elencos e investimentos, mas um resultado até certo ponto comum no histórico nem tão recente do Tricolor. Desde 2011, o clube foi eliminado 26 vezes em mata-matas. Nove delas no Morumbi.  Se dominou o futebol brasileiro na primeira década dos anos 2000, quando foi tricampeão nacional, venceu a Libertadores e o Mundial, nos dez anos seguintes o São Paulo ficou longe das taças. O time venceu a Copa Sul-Americana de 2012, chegou a uma semifinal da Libertadores (2016) e a uma final do Paulistão (2019). E só. Além da distância dos títulos, o São Paulo passou a contabilizar quedas diante de rivais de menor expressão. No Paulistão, o clube teve eliminações para Penapolense, Audax e Mirassol. Na Copa do Brasil, ficou pelo caminho contra Avaí, Juventude e Bragantino.  Os vexames também chegaram aos torneios internacionais, como nas eliminações para Defensa y Justicia e Talleres, ambos da Argentina, na Sul-Americana 2017 e na Libertadores 2019, respectivamente. Em 2018, disse adeus à Copa Sul-Americana diante do também argentino (e também pequeno) Colón. Já em 2013, foi vítima de uma equipe brasileira, a Ponte Preta, nas semifinais do mesmo torneio. O São Paulo também foi vítima dos principais rivais do país. Das 26 eliminações, dez foram contra clubes considerados grandes: Santos (quatro vezes), Corinthians (três), Cruzeiro (duas) e Atlético/MG (uma). Há eliminação ainda para Coritiba, Bahia e Athletico/PR. Das 26 quedas, nove aconteceram no Morumbi: Santos (Paulistão 2011), Corinthians (Paulistão 2013), Penapolense (Paulistão 2014), Bragantino (Copa do Brasil 2014), Atlético Nacional (Sul-Americana 2014), Defensa y Justicia (Sul-Americana 2017), Athletico (quarta fase da Copa do Brasil), Talleres (primeira fase da Libertadores) e Mirassol (Paulistão 2020). A eliminação no Paulistão contra o Mirassol faz o trabalho do técnico Fernando Diniz ser questionado no clube. O departamento de futebol não pensa na saída do treinador neste momento.

Veja a lista completa:

2011
* Santos (semifinal do Paulistão)
* Libertad (Paraguai) (oitavas da Copa Sul-Americana)
* Avaí (quartas da Copa do Brasil)

2012
* Santos (semifinal do Paulistão)
* Coritiba (semifinal da Copa do Brasil)

2013
* Corinthians (semifinal do Paulistão)
* Atlético/MG (oitavas da Copa Libertadores)
* Ponte Preta (semifinal da Copa Sul-Americana)

2014
* Penapolense (quartas do Paulistão)
* Bragantino (terceira fase da Copa do Brasil)
* Atlético Nacional (semifinal da Copa Sul-Americana)

2015
* Santos (semifinal do Paulistão)
* Santos (semifinal da Copa do Brasil)
* Cruzeiro (oitavas da Libertadores)

2016
* Audax (quartas do Paulistão)
* Juventude (oitavas da Copa do Brasil)
* Atlético Nacional (semifinal da Libertadores)

2017
* Corinthians (semifinal do Paulistão)
* Defensa y Justicia (Argentina) (primeira fase da Copa Sul-Americana)
* Cruzeiro (quartas da Copa do Brasil)

2018
* Corinthians (semifinal do Paulistão)
* Athletico (quartas da Copa do Brasil)
* Colón (Argentina) (segunda fase da Copa Sul-Americana)

2019
* Talleres (Argentina) (segunda fase da Libertadores)
* Bahia (oitavas da Copa do Brasil)

2020
* Mirassol (quartas do Paulistão)

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2020 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.