Classificados

VÍDEOS

Residência pega fogo em Penápolis
Penápolis no programa Cidade contra Cidade do SBT em 1989

CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

ESPORTES

16/06/2020

"Financeiramente não é viável voltar a Série A-2", diz presidente do Rio Claro

Imagem/Reprodução
Detalhes Notícia
O presidente do Rio Claro ainda revelou que alguns dirigentes vão pedir para que o campeonato não tenha descenso

Faltando três rodadas para o fim da primeira fase do Campeonato Paulista da Série A-2, o Rio Claro é o 13º colocado com 13 pontos, quatro a mais que Penapolense e Votuporanguense, equipes que estão na zona de rebaixamento. Por outro, o Galo Azul está a cinco pontos da Portuguesa, primeira equipe do G-8, que dá a classificação ao mata-mata. Diante desse cenário, o clube não almeja grandes objetivos, a não ser se livrar do descenso. Com uma boa vantagem para a zona de rebaixamento e poucas partidas pela frente, o presidente do Rio Claro, Dayvid Medeiros, admite que a classificação para o mata-mata é um sonho distante e disse que retorno do campeonato é difícil por conta da condição financeira dos clubes. “Financeiramente não é viável voltar o campeonato, só vou ter prejuízo. Eu tenho três jogos e precisou ganhar os três para classificar. Eu não vou ter condição financeira de montar um time que vença os três jogos. Não adianta montar um time como outros estão fazendo... posso até montar, mas não vou conseguir pagar ninguém. Não vou fazer isso”, disse. “Tento montar um time que consiga arcar com minhas obrigações. Tenho consciência que vou ter um campeonato para participar, me manter na divisão e sei que vou ter prejuízo. Se chegassem para mim e perguntassem se eu queria que voltasse ou não, financeiramente eu preferia que não, esportivamente é bom, porque o futebol realmente tem que acontecer. Mas financeiramente não é viável”, acrescentou. Para conter gastos, o técnico Dayvid Medeiros deve utilizar jovens do sub-20 já integrados ao profissional e outros jogadores da base para terminar a Série A-2. O presidente do Rio Claro ainda revelou que alguns dirigentes vão pedir para que o campeonato não tenha descenso. “Tem alguns presidentes comentando que vão solicitar para que esse ano não tenha rebaixamento. Não tendo rebaixamento, vou usar atletas da base, alguns do sub-20 que já estavam no profissional para o custo ser bem menor e vou contratar um time fechado. Vou contratar no máximo 14 ou 15 jogadores e se precisar até eu completo o treino”, afirmou. Não vou querer gastar para três jogos. Esses três jogos devem acontecer em uma semana. Como vou contratar um time para jogar uma semana?”, completou.

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS>

© Copyright 2024 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.

Política de Privacidade