Classificados

VÍDEOS

Residência pega fogo em Penápolis
Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar

CLIMA

Tempo Pen�polis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endere�o Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

ESPORTES

14/03/2021

Federação Paulista marca nova reunião para tentar reverter a proibição de jogos

Imagem/Reprodução
Detalhes Not�cia

A Federação Paulista de Futebol vai se reunir amanhã, 15, de manhã com o representantes do governo de São Paulo e do Ministério Público, com o objetivo de tentar reverter a decisão que suspendeu a realização de jogos de futebol entre os dias 15 e 30 de março. A suspensão foi anunciada quinta-feira pelo governador João Doria (PSDB) estão suspensos por 15 dias. Nesta nova reunião, na semana que vem, a FPF vai apresentar um cronograma de realização de jogos para o governo e para o Ministério Público. Há temor entre dirigentes de que a paralisação vá além dos 15 dias inicialmente propostos caso a "fase de emergência" seja ampliada se os números relacionados à pandemia não cederem. Numa reunião realizada na tarde de quinta-feira, a Federação Paulista informou aos clubes que as federações de Rio de Janeiro, Minas Gerais e Mato Grosso do Sul se ofereceram para receber jogos do Paulistão. Mas a "exportação" do Campeonato Paulista é tratada como com uma "situação extrema" por causa dos altos custos e das dificuldades logísticas. A intenção da Federação é esgotar todas as linhas de negociação com o governo paulista, primeiro. A possibilidade de jogar em outro estado foi tratada como um tema secundário.  Por ora, o que vale é a suspensão de todos os jogos realizados no estado entre os dias 15 e 30 de março. A medida impacta três rodadas do Paulista (a quinta, a sexta e a sétima), o confronto São Bento x Palmeiras, pela terceira rodada, além de dois jogos da primeira fase da Copa do Brasil, Marília x Criciúma e Mirassol x Red Bull Bragantino – é provável que essas duas partidas sejam disputadas em outros Estados. Inicialmente, não havia ficado claro aos clubes se as restrições a jogos se estendem, também, às atividades dos elencos nos centros de treinamento. Mas o Governo do Estado de São Paulo respondeu na noite desta quinta-feira: “O Governo do Estado de São Paulo informa que treinos profissionais estão liberados durante fase emergencial”. A CBF já informou que jogos da Copa do Brasil que não possam ser organizados em São Paulo devem ser realizados em outro Estado. Algo semelhante ao que diz a Conmebol sobre partidas da Copa Libertadores ou da Copa Sul-Americana que eventualmente não possam ser disputadas por proibições governamentais. São Paulo vive o momento mais crítico da pandemia, com recordes nos números diários de novos casos e mortes. Segundo dados do governo, foram registrados 440 óbitos na quinta-feira. A ocupação de leitos de UTI está em 86,7% no Estado.

 

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2022 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.

Política de Privacidade