Classificados

VÍDEOS

Morre o cantor sertanejo Davi, da dupla com Durval
Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar

SUA OPINIÃO

Você concorda com a aplicação de multa de R$ 500 para quem não estiver usando máscaras em locais com circulação de pessoas?


CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

ESPORTES

31/05/2020

Federação lança protocolo para volta dos jogos

Imagem/Reprodução
Detalhes Not�cia
Presidentes de Palmeiras e Corinthians, Mauricio Galiotte e Andrés Sanchez, com Reinaldo Carneiro Bastos, presidente da Federação Paulista

A Federação Paulista de Futebol ainda não tem data definida, mas está trabalhando no firme propósito de terminar os campeonatos das Séries A-1, A-2 e A-3. Recentemente a entidade lançou um documento denominado “Protocolo FPF Covid-19” onde definiu as premissas para que a bola volte a rolar. Entre as medidas, a FPF revela que na A-1 o campeonato será retomado em forma de Copa, ou seja, quando a competição iniciar, delegações, clubes e arbitragem serão confinados em centros de treinamento e hotéis até saírem para os jogos. Será obrigatório o uso de máscaras e limpeza com álcool e gel, não sendo permitido ainda o compartilhamento de materiais como garrafas e outros. No local das partidas, todos os ambientes deverão ser periodicamente higienizados com produtos adequados e com ventilação; testes serão realizados periodicamente para acompanhamento e controle. 

O cronograma para a retomada dos jogos é o seguinte:

* 48 horas antes do início dos treinamentos, delegações dos clubes e grupo de árbitros serão testados para o Covid-19;
* Delegações dos 16 clubes iniciam treinamento em seus CTs para a disputa;
* Novos testes serão aplicados em todas as delegações. Reinício da competição. Clubes se concentram e iniciam confinamento. Após as partidas, clubes e arbitragem retornam direto às concentrações.  
* Última rodada da fase. Oito clubes serão eliminados. Competição segue com apenas 8 times;
* Quartas de Final. 4 clubes serão eliminados. Competição segue com apenas 4 times;
* Semifinais. 2 clubes serão eliminados. Competição segue com apenas 2 times;
* Finais.  

PARTIDAS
Os jogos da penúltima rodada da 1ª fase serão os seguintes: Água Santa x Mirassol, Botafogo x Guarani, Santos x Santo André, São Paulo x Red Bull, Corinthians x Palmeiras, Inter de Limeira x Oeste, Ponte Preta x Novorizontino e Ituano x Ferroviária. As partidas da última rodada serão os seguintes: Red Bull x Botafogo, Ferroviária x Inter de Limeira, Guarani x São Paulo, Mirassol x Ponte Preta, Novorizontino x Santos, Oeste x Corinthians, Palmeiras x Água Santa e Santo André x Ituano. 

EFETIVO
A Federação Paulista de Futebol definiu também que o efetivo, ou seja, o pessoal que trabalhará nos jogos, será de 164 pessoas, distribuídos da seguinte maneira:

* Apoio e Delegado: 2
* Portão: 2
* Arbitragem: 10
* Dopping: 2
* Gândulas: 6
* Preparação de Campo: 3
* Imprensa FPF: 3
* TV Globo: 35
* Limpeza Banheiro: 2
* Limpeza Vestiários: 2
* Segurança Patrimonial: 3
* Placas de Publicidade: 6
* Pórtico: 4
* Delegações: 76
* Ambulância: 4
* Brigada de Incêndio: 2
* Manutenção Predial: 2

Vale destacar que todos os jogos serão disputados sem a presença de público. 

CONVÊNIO
Um convênio inédito vai permitir que o Hospital Albert Einstein teste todos os jogadores dos dezesseis clubes da Série A-1 do Campeonato Paulista. Serão testes novos, recém-adquiridos pelo mais moderno hospital do país e que podem começar a ser feitos ainda na primeira semana de junho. Mas a Federação Paulista evita tratar de datas. As providências imediatas referem-se a encaminhar o protocolo de saúde para a retomada dos treinos para todos os prefeitos das cidades que têm times na elite do futebol de São Paulo. Pelo plano de flexibilização do governador João Dória, os treinos só voltariam em julho. Mas existe um trabalho árduo e rígido de proteção dos jogadores nos campos de treino, ao ar livre e sem contatos entre eles. Serão trabalhos individuais que, em teoria, podem proteger os jogadores mais do que ficando em casa. A lembrança sempre de que o único jogador do Grêmio contaminado foi quem não voltou a Porto Alegre e ficou no Rio de Janeiro: Diego Souza. Se os prefeitos aprovarem o plano de retorno, os testes podem começar a ser feitos entre a primeira e segunda semanas de junho e, neste caso, planejar os jogos para o meio do mês de julho. “Melhor não falar em datas, apenas trabalhar para viabilizar o retorno passo a passo”, disse o presidente da FPF. Diferentemente do Rio de Janeiro, os clubes de São Paulo estão todos com os mesmos planos e só retornarão aos treinos quando todos puderem entrar no gramado. 

VEJA TODAS AS NOTÍCIAS

© Copyright 2020 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.