Classificados

VÍDEOS

Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar
Apaixonados por carros antigos se reúnem em Penápolis

SUA OPINIÃO

Você concorda que a lista de espera para cirurgias e exames em Penápolis deve ser divulgada para acompanhamento dos pacientes?


CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

CARTA DO LEITOR

29/09/2019

Água Fresca
Sinto saudade da água fresca retirada das inúmeras minas existentes nas propriedades rurais em meus tempos de criança. Tempo em que o galão de água mineral vinha diretamente do sítio, era de graça e abundante.
Coisa mais difícil hoje em dia é encontrar uma nascente preservada com água pura e cristalina. A ganância do homem fez com que quase todas elas fossem aterradas para criação de gado, para plantio de lavouras, ou mesmo para a construção de casas diante do crescimento urbano.
Apesar de o Brasil ser um país abençoado por Deus no que se refere à disponibilidade hídrica, a falta de conscientização da população em geral, trará, em um futuro breve, escassez de água potável para a população. Nesse ritmo, chegará o momento em que abriremos a torneira e não sairá nada.
Enquanto maltratarmos nossos rios com despejos de esgoto doméstico, vindos de ligações irregulares, com lançamento de efluentes industriais sem tratamento, com o assoreamento dos já tão sofridos córregos, estaremos todos em risco.
Não bastasse a falta de conscientização da população, a estrutura deficitária de fiscalização colabora para que tenhamos cada vez mais interferência em nossas minas e nascentes, trazendo cada vez menos disponibilidade de água.
Neste momento quase crítico, faz-se necessária uma mudança no modo como a água é vista pela maioria da população. Não existem programas de educação ambiental nas escolas, não há incentivo para que os proprietários rurais mantenham e, até mesmo, recuperem as nascentes em suas propriedades.
O momento de mudança é agora. Chegou a hora de decidirmos se queremos explorar o meio ambiente visando o lucro imediato, independentemente das consequências futuras, ou se iremos tentar recuperá-lo para que nossos filhos e netos não testemunhem a ocorrência de guerras pelo acesso à água.
A cada um de nós cabe escolher o rumo a seguir.

José Carlos Altimari (comerciante), Penápolis/SP, por e-mail

Envie seu artigo para o "Carta do Leitor"

Envie-nos, atrav�s do e-mail carta@diariodepenapolis.com.br sua mensagem com cr�ticas, sugest�es ou para discutir algum assunto de interesse p�blico. A mensagem dever� conter seu nome completo, RG e endere�o de e-mail v�lido.

© Copyright 2019 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.