Classificados

VÍDEOS

Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar
Residência pega fogo em Penápolis

CLIMA

Tempo Pen�polis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endere�o Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

ARTIGOS

26/09/2021

"Vender mais não significa mais dinheiro em caixa"

Diversos fatores podem levar  uma empresa a “quebrar”. Dentre eles está a falta de geração de caixa e seus desdobramentos.
Talvez alguém pense “Ora, se está faltando dinheiro em caixa, bora vender mais!”
Esta é uma meia verdade que precisa ser melhor explicada, pois isso pode colocar o empreendedor num caminho sem volta. Vender mais não significa mais dinheiro em caixa necessariamente. Pode ser também mais uma forma de acelerar o processo de falência dos negócios.
Entender os principais fatores que geram falências é essencial para um ambiente, onde a grande maioria das empresas fecha nos primeiros anos e raras superam 10 anos de existência, situação agravada pela pandemia que elevou o índice em 12,7% no ano de 2020, segundo a CNN Brasil.
Alguns dos mecanismos que geram a insolvência de empresas, se identificados com antecedência, podem ser gerenciados e até evitados.
Vender é essencial para o crescimento de qualquer empresa, contudo se o custo do produto estiver mensurado de forma equivocada, pode-se estar precificando produtos abaixo dos respectivos custos. Imagine que o produto custa efetivamente R$ 12,00 para ser produzido e o preço de venda é de R$ 9,00. Pode parecer até absurdo, mas quando não se conhece os reais custos do produto isto pode acontecer. No final, há vendas, giro e faturamento, mas não sobra dinheiro em caixa.
Outro fator importante é a questão do estoque. Exemplo: compra de matéria-prima para pagar com 20 dias e receber dos clientes com 40 dias em média. Ou seja, tem que se pagar os custos dos produtos antes de receber do cliente.
Portanto, vender mais pode, sim, resolver os problemas financeiros da empresa, desde que haja atenção à margem de lucro dos produtos e a diferença entre os prazos de pagamentos e recebimentos.
Fatores como ponto de equilíbrio, fluxo de caixa, gestão de contas a pagar e receber também são importantes, mas ficam para outra matéria.

(*) Walter Roque Gonçalves é professor na America Business School/FGV e consultor de resultados

Walter Gonçalves (*)



© Copyright 2021 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.

Política de Privacidade