Classificados

VÍDEOS

LIVE SOLIDÁRIA BANDA TUNA
Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar

CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

ARTIGOS

06/09/2020

Eliminação de Discriminação contra as Mulheres

Imagem/Divulgação
Detalhes Not�cia

Documentos que levem em conta os Direitos da Mulher são sempre muito importantes. Em 3 de setembro de 1981, há 39 anos, por exemplo, entrou em vigor a “Convenção sobre a Eliminação de Todas as Formas de Discriminação contra as Mulheres” (“Convention on the Elimination of All Forms of Discrimination Against Women”, CEDAW, em inglês).
O texto é um tratado internacional aprovado em 1979 pela Assembleia Geral das Nações Unidas, também conhecido como Declaração Internacional dos Direitos das Mulheres, que foi ratificado por 188 Estados. A sua abrangência é especialmente benvinda, principalmente em uma realidade da pandemia em que houve aumento do caso de violência contra mulher.
O documento define "discriminação contra a mulher" como “toda a distinção, exclusão ou restrição baseada no sexo e que tenha por objeto ou resultado prejudicar ou anular o reconhecimento, gozo ou exercício pela mulher, independente de seu estado civil, com base  na  igualdade  do  homem  e  da  mulher,  dos  direitos  humanos  e  liberdades  fundamentais  nos  campos político, econômico, social, cultural e civil ou em qualquer outro campo”.
A obra “Mulheres de Todas as Raças”, de Silvia Maia, justamente expressa esse sentimento por meio da representação feminina das mais variadas culturas. A imagem da diversidade torna-se essencial, porque o documento combate desigualdades entre homens e mulheres e entre elas. É para esse caminho da igualdade de Direitos que documentos como o da ONU e trabalhos como da artista apontam.

(*) Oscar D’Ambrosio é jornalista pela USP, mestre em Artes Visuais pela Unesp, graduado em Letras (Português e Inglês) e doutor em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e Gerente de Comunicação e Marketing da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo.   Coordena o projeto @arteemtempodecoronavirus  e é responsável pelo site www.oscardambrosio.com.br

Oscar D’Ambrosio (*)



© Copyright 2020 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.