Classificados

VÍDEOS

Agrosoles - Bombeamento de Água por Energia Solar
Apaixonados por carros antigos se reúnem em Penápolis

SUA OPINIÃO

Você tem o costume de fazer movimentações bancárias pelos aplicativos para celulares?


CLIMA

Tempo Penápolis

fale com o DIÁRIO

Fone Atendimento ao assinante & comercial:
+55 (18) 3652.4593
Endereço Redação e Comercial: Rua Altino Vaz de Mello, 526 - Centro - CEP 16300-035 - Penápolis SP - Brasil
Email Redação: redacao@diariodepenapolis.com.br
Assuntos gerais: info@diariodepenapolis.com.br

ARTIGOS

14/01/2020

Música Sertaneja: Raul Torres

Imagem/Reprodução
Detalhes Not�cia

Amigo amante da música sertaneja hoje você vai conhecer um pouco sobre a história do saudoso Raul Torres. Com ajuda da jornalista Sandra Peripato e Edson Nogueira, grandes pesquisadores culturais, fiz esse resumão sobre o embaixador da música sertaneja.
Raul Montes Tôrres nasceu dia 11 de julho de 1906, em Botucatu, e faleceu em São Paulo, dia 12 de julho de 1970, onde foi sepultado. 
Tinha voz macia e bem agradável. No final de 1930 gravou para Turma Caipira de Cornélio Pires com o pseudônimo de Bico Doce. Deixou em discos mais de 400 gravações, sob os principais selos do país, como RCA Victor, Odeon e Columbia, em diversos gêneros musicais, tais como modas de viola, guarânias, toadas, valsas, sambas, marchas, jongos, cocos e emboladas. Era conhecido como “Embaixador da Embolada” e depois “Embaixador da Musica Sertaneja. 
Foi um dos pioneiros do rádio paulista. Passou pelas rádios Educadora, Record e Rádio Cruzeiro do Sul. Já com nome feito e ganhando mais popularidade como intérprete do gênero[...]

Luiz Henrique Pelícia (Caipirão) (*)


Quer ler essa notícia na íntegra? Assine o Diário!

Se você é assinante do Diário, autentique-se abaixo e leia a notícia na íntegra.


© Copyright 2020 - A.L. DE ALMEIDA EDITORA O JORNAL. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total do material contido nesse site.